Amamentação reduz o choro ao vacinar

Blog

(Reuters Health) – Os bebês que amamentam Durante a vacinação pode chorar menos e sentir menos dor do que os bebês que são aliviadas por outros meios, uma revisão pesquisa sugere.

Os investigadores examinaram os dados sobre aleitamento materno e infantil e dor durante picadas de agulha em  10 estudos publicados anteriormente, com um total de 1.066 bebês de um a 12 meses de idade.

Em média, os bebês que amamentaram choraram 38 segundos a menos do que os bebês que não o  fizeram durante a vacinação. Publicado na Cochrane Database of Systematic Reviews, Outubro 27. Os escores de dor com base em observações do comportamento dos bebês foram menores também Quando as crianças foram amamentadas durante picadas de agulha do que quando não o foram.

“Nós já sabíamos que a amamentação reduz a dor durante a coleta de sangue em recém-nascidos”, disse a autora do estudo Denise Harrison, pesquisadora da Universidade de Ottawa e Hospital Infantil de Eastern Ontario.

Amamentação parece ser mais eficaz na redução da dor do que água com açúcar, cremes ou sprays aplicados para diminuir dor no local da injeção, afago ou massagem materna, de acordo com dados de quatro estudos que examinaram estas alternativas.

Ainda assim, é possível que o aleitamento materno possa ser um analgésico eficaz porque aumenta a ocitocina em ambos:  mães e  bebês, disse Barbara Morrison, pesquisadora Universidade Estadual de Enfermagem em Kansas.

“Além disso a ocitocina diminui os níveis de estresse, tornando os bebês mais  relaxados.  Estar separado da mãe durante um procedimento doloroso faz com que a criança sinta-se abandonada, aumentando significativamente o seu stress”, disse Morrison.

FONTE: http://bit.ly/2fbW4uQ

Post anterior
DIA MUNDIAL DE LUTA CONTRA POLIOMIELITE
Próximo post
Surto de Febre Amarela no Brasil alerta para a necessidade de vacinação

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.

Menu