fbpx

HPV em homens: sintomas, tratamento, riscos e prevenção

Sem categoria

A doença é mais comum nas mulheres, mas também acontece nos homens: entenda os sintomas, tratamento e como prevenir

Infelizmente, por ser mais comum em mulheres, muitos homens não se atentam aos perigos do HPV. Porém, os riscos são muito graves, e não podemos deixar a doença passar despercebida! 

Segundo levantamento realizado pela National Health and Nutrition Examination Survey, o HPV foi identificado em quase metade das amostras, e estima-se que 63% dos casos de câncer de pênis são causados pela doença. O uso de preservativos durante as relações e a vacina contra o HPV são essenciais para a prevenção!

Neste post vamos explorar as principais características dessa doença sexualmente transmissível.

Sintomas do HPV

O principal sintoma em homens é a aparição de verrugas na região genital (pênis, escroto e ânus). Porém, em muitos dos casos essas verrugas são microscópicas, e fica impossível detectá-las a olho nu.

Como na maioria dos casos não há sintomas facilmente identificáveis, o recomendado é fazer consultas regulares com um urologista para garantir que, caso você tenha contraído alguma doença, ela seja identificada. 

Essa recomendação vale para todos, mas é ainda mais importante caso você tenha tido alguma relação sexual sem proteção recentemente!

Como se pega HPV e como é o tratamento

Como outras ISTs, o contágio acontece principalmente através da relação sexual sem o uso de preservativo. Por isso, ressaltamos sempre: use camisinha!

Caso você seja diagnosticado com a doença, é possível que o seu urologista recomende pomadas ou crioterapia para as verrugas, mas o HPV em si não tem tratamento: a cura acontece quando o próprio corpo consegue eliminar o vírus de forma natural.

Riscos do HPV para homens

Além das verrugas, o HPV pode ser muito perigoso para o homem, podendo causar alguns tipos de câncer, principalmente na região genital. De acordo com a National Health and Nutrition Examination Survey, dentre os casos analisados o HPV causou: 

  • 63% dos casos de câncer de pênis; 
  • 91% dos casos de câncer de ânus;
  • 72% dos casos de câncer de orofaringe. 

Os números nos indicam que a doença realmente não pode passar despercebida pelos homens e, sabendo que não há tratamento direto, o foco está na prevenção.

Medidas preventivas

Além de usar preservativo em relações sexuais, a vacina contra o HPV é extramamente eficaz, e é recomendada para homens e mulheres a partir dos 9 anos de idade, mesmo para quem já teve a doença.

A maneira mais efetiva para erradicar essa doença é através da vacinação!

Esse conteúdo foi útil te ajudou a entender mais sobre o HPV?

Sempre que você tiver dúvidas sobre HPV e outras doenças, queremos estar com você! Não esqueça, tão importante quanto a vacina (que está disponível aqui na Bravacinas!), informações de fontes confiáveis também contribuem para a qualidade de vida.

Bravacine-se!

Em quase 14 anos de serviços prestados, a Bravacinas tornou-se referência em vacinação humanizada na região de Itajaí, Balneário Camboriú e municípios vizinhos. Se você mora em qualquer uma das cidades da região da Amfri, pode contar com nosso serviço de vacinação domiciliar e outros atendimentos em domicílio, como teste do pezinho e bochechinha.

Para tirar dúvidas e agendar seu atendimento, envie uma mensagem pelo WhatsApp.

Post anterior
Vacina: 7 questões que garantem a qualidade do serviço

Posts Relacionados

Nenhum resultado encontrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu