Vacina da gripe em 2018

Blog

Neste último inverno no hemisfério norte, foram registrados em vários países inclusive os Estados Unidos, um aumento na atividade de influenza, comparada com o período 2016-2017. Houve aumento de hospitalizações e procura por atendimento por causa da gripe nos serviços de saúde americanos. Isso vem preocupando os brasileiros pois foram relatados óbitos por gripe nos últimos dias.

Mas como se prevenir da gripe que provocou doenças nos americanos? Essa é a pergunta feita por muitas pessoas.

Os vírus usados na confecção da vacina são atualizados todos os anos. Este ano no Brasil, a vacina ganhou essa nova forma do H3N2, que foi um dos responsáveis pela epidemia mais grave registrada nos Estados Unidos nos últimos 13 anos.

De acordo com o médico infectologista e pediatra Renato Kfouri, os vírus influenza conseguem sofrer pequenas mutações que, embora não pareçam diferentes do ponto de vista morfológico, podem “enganar” o sistema imunológico e provocar infecções graves.

No Brasil, as vacinas contra o influenza geralmente são disponibilizadas entre os  meses de abril e maio para proteção em junho, afinal é o período em que o vírus da gripe começa a circular de forma mais ativa.

Qualquer pessoa que deseja proteger-se contra gripe pode se vacinar.  No SUS a vacina é disponibilizada algumas pessoas prioritariamente como:

– Crianças entre 6 meses e 5 anos;

– Gestantes e puérperas (mães que deram à luz há menos de 45 dias);

– Idosos;

– Profissionais de saúde, professores, portadores de doenças crônicas, povos indígenas e pessoas privadas de liberdade.

– Pessoas com imunocomprometimento como HIV, tratamento de câncer ou transplantados e outros.

O imunizante induz o sistema imunológico com um vírus morto, por isso não existem riscos de reações graves e a vacina é indicada para pessoas com problemas de imunidade. A campanha nacional de vacinação contra gripe começa no dia 23/04/2018 quando estará disponível nos postos de saúde. Na rede privada a vacina já está disponível.

Se ficou com alguma dúvida, entre em contato conosco através dos telefones (47) 3344-0082 ou pelo WhatsApp (47) 9290-6894.

Post anterior
Dúvidas frequentes: tudo o que você precisa saber sobre gripe
Próximo post
Informações sobre influenza no Brasil

Posts Relacionados

Menu