Viajantes: preparativos e cuidados para a copa do mundo da Rússia

Blog

Sabemos que viajar, seja por diversão ou a trabalho, é uma das melhores coisas. Mas, além de preparar o roteiro e fazer as malas, existem alguns cuidados que precisam ser tomados, principalmente em relação à saúde.

Com a copa do mundo da Rússia iniciando essa semana, resolvemos colocar esse assunto em pauta. Preparamos esse guia com algumas dicas básicas para quem vai viajar para ver ou jogos, porém elas também valem para outros destinos.

Consulta médica

Procurar um especialista para uma avaliação médica antes de uma viagem não é muito comum, mas deveria ser. Durante uma consulta, o médico consegue identificar os principais riscos à saúde de acordo com o roteiro.

Além disso, pode indicar algumas medida preventivas, se necessário, como vacinação, medicamentos, auto tratamentos, até ajuda na montagem do kit básico de primeiros socorros.

Medicamentos

Falando em kit de primeiros socorros, todo viajante deve montar o seu, de acordo com sua condição de saúde e características do destino. O objetivo desse kit é ajudar no tratamento de doenças ou problemas preexistentes, além de prevenir muitos inconvenientes na viagem. Preparamos um lista com algumas sugestões, confira:

1 – Medicamentos para condições médicas preexistentes;

2 – Medicamentos padrões

  • dor e febre;
  • náuseas ou vômitos;
  • antialérgicos;
  • antidiarreicos;
  • antiácidos;
  • descongestionantes;
  • soluções salinas nasais;
  • antibióticos e antiparasitários (com prescrição médica);
  • lenços antibacterianos ou álcool em gel;
  • preservativos.

3 – Primeiros socorros

  • curativos, gaze, esparadrapo, algodão, cotonetes;
  • atadura elástica;
  • bandagens para envolver ferimentos e para tipóia;
  • antisséptico;
  • pinça, tesoura (não podem ir na mala de mão);
  • pomadas ou cremes antifúngicos e antibacterianos (com prescrição médica);
  • creme com 1% de hidrocortisona para dermatites e alergias;
  • gel/creme para picadas de insetos;
  • gel para alívio de queimaduras;
  • soro fisiológico;
  • termômetro.

4 – Itens extras (dependendo do viajante e da viagem)

  • antimaláricos (com prescrição médica);
  • medicamento para o mal da altitude;
  • indutores de sono;
  • adrenalina autoinjetável (para viajantes com histórico de reação alérgica ou anafilaxia);
  • insulina, agulhas, seringas (para pessoas com diabetes);
  • repelente, mosquiteiros;
  • protetor solar;
  • pastilhas ou soluções de hipoclorito para tratamento de água.

Em alguns casos, você pode sentir necessidade de acrescentar itens ao seu kit, ou retirar algum. Lembre-se que para ter memórias positivas de uma viagem, a prevenção de doenças e fundamental.

Lembre-se de verificar com seu médico como funcionam os remédios de tarja preta e vermelha na cidade/país de destino, em especial as viagens internacionais.

Vacinas

É imprescindível que todo viajante esteja com seu calendário de vacinação em dia e que saiba quais as indicadas para o lugar de destino. Gestantes, idosos e portadores de doenças crônicas merecem uma atenção especial. Consulte seu médico.

Alguns países podem exigir o CIVP (Certificado Internacional de Vacinação e Profilaxia) para a entrada de estrangeiros em seu território. Por isso, verifique essa informação.

Dicas extras

Para aproveitar ao máximo sua viagem, aqui vão algumas dicas extras. Se a viagem for internacional, se prepare para o jetlag. A mudança de fuso horário pode alterar o sistema biológico, por isso procure descansar no voo, não tome muita cafeína e bebida alcóolica e altere logo seu relógio de pulso/celular para o horário do fuso atual.

Não esqueça de beber muita água. Costumamos ficar bem distraídos em viagens e muitas vezes esquecemos de nos hidratar, porém isso não deve acontecer. Tome cuidado com a alimentação. Avalie bem os locais onde fará suas refeições e também a forma como são preparadas.

Leve roupas confortáveis e adequadas com o clima de destino de sua viagem. Cuidados com mares, rios e lagos são fundamentais, além da exposição ao sol. As picadas de mosquitos também podem ser perigosas, por isso mantenha sempre um repelente na bolsa, e use-o com frequência.

Por fim, dependendo do destino e do período em que estará viajando, vale a pena investir e um seguro viagem.

Esperamos que essas dicas te ajudem, seja na viagem para a copa do mundo da Rússia ou para qualquer outro destino. Caso fique com alguma dúvida entre em contato conosco.

Menu